Notícias Areado

Opiniões


LEGADO REFORMADO

Publicado em 28/10/2017 por Rev. Vitor Correia


Nesse mês completam-se 500 anos que o monge alemão Martinho Lutero afixou suas famosas 95 teses na porta da igreja de Wittenberg na Alemanha. A motivação original de Lutero era lutar contra a venda, pela igreja medieval, de títulos de indulgências (certificados que, uma vez adquiridos por dinheiro, davam garantia do perdão de todos os pecados do adquirinte e até de parentes já mortos). Hoje, 500 anos depois, louvamos a Deus pela coragem desse homem em enfrentar toda uma estrutura por ter suas convicções firmadas na Santa Palavra de Deus. Lutero foi acusado de heresia, foi excomungado e condenado à morte pelas autoridades da época. Mas sobreviveu porque era esse o propósito de Deus. Quando foi forçado a abandonar suas ideias e negar seus escritos na “Dieta de Worms” (Concílio convocado para o inquirir sobre suas posições), Lutero respondeu destemidamente assim:

“Posto que vossa graciosa majestade e vossos senhores me pedem uma resposta, então a darei de forma breve e clara. A menos que se me convença por testemunho da Escritura ou por razões evidentes – posto que não creio no papa nem nos concílios somente, já que está claro que eles tem se equivocado com frequência e tem se contradito entre eles mesmos -, estou acorrentado pelos textos escriturísticos que tenho citado e minha consciência é uma escrava da palavra de Deus. Não posso nem quero retratar-me em nada, porque não é seguro nem honesto atuar contra a própria consciência. Que Deus me ajude. Amém.”

Que Deus nos ajude a sermos, enquanto cristãos, destemidos e compromissados com a Santa Palavra em dias tão desafiadores como os nossos. Que possamos valorizar a Santa Bíblia como Palavra do Senhor para nossas vidas e viver de forma a dignificá-la em cada detalhe de nossa jornada.

Sola Scriptura = Somente a Bíblia é regra de fé e de prática para vida humana.

Rev. Vitor Correia